Transplantes 1261
Quer ajudar?Faça uma doação!

Potássio e a insuficiência renal crônica

O potássio é um mineral que, quando chega aos rins saudáveis, tem seu excesso eliminado do organismo. No deficiente renal crônico, no entanto, o processo de excreção não acontece de maneira correta e o potássio fica acumulado.  

O principal perigo da sobrecarga é a arritmia cardíaca, que pode resultar em uma parada cardíaca, e a morte celular, que pode levar à falência múltipla dos órgãos. Níveis muitos baixos de potássio na dieta, no entanto, também podem ser prejudiciais. 

 

Fontes

O potássio pode ser encontrado, principalmente, em alimentos como: leite, batatas (especialmente batata frita), bananas, laranjas, frutas secas, leguminosas, nozes, substitutos do sal e do chocolate. Na Renal Vida, nossos nutricionistas oferecem apoio aos pacientes renais crônicos na elaboração de uma dieta adequada. 

Sintomas

Entre os sintomas de hiperpotassemia, estão: cefaleia, edema cerebral, distúrbios cerebrais de consciência e cognitivos (conhecimentos), convulsões e coma. Outros sintomas, como edema pulmonar, também podem ser percebidos.  

Tratamento

Em casos menos severos, uma dieta rigorosa e a prescrição de medicamentos diuréticos são as formas de tratamento mais usadas. Em casos mais agudos, a hemodiálise é a maneira mais eficaz de eliminação do potássio do organismo, sendo sempre acompanhada, também, de uma dieta específica e pobre em potássio. 

 

 Para colaborar com o tratamento e suporte ao paciente renal crônico da região, clique aqui e faça a sua doação.