DOAÇÃO DE ÓRGÃOS, UM ATO DE AMOR

Quando alguém se dispõe a ofertar seus próprios órgãos, ou quando parentes autorizam a retirada de órgãos para transplante, estamos diante de um ato de amor, cuja motivação é a solidariedade e o interesse de salvar e promover a vida. Todos nós somos doadores, desde que a nossa família autorize. Portanto, a atitude mais importante é comunicar para a sua família o seu desejo de ser doador.

 | Site

O principal objetivo do setor de comunicação da Associação Renal Vida é garantir uma comunicação eficaz, transparente e coerente.

Rolar para cima
Pular para o conteúdo